Trabalhadores da Proturbo aprovam proposta de PLR

Os companheiros da Proturbo, em Jundiaí, aprovaram a proposta de Participação nos Lucros e Resultados (PLR), na tarde desta quarta-feira (13), em assembleia realizada pelo Sindicato.

Além do reajuste, o plano de PLR da Proturbo contou com mudanças nas datas de aplicação. O pagamento da PLR correspondente ao ano passado foi realizado em duas parcelas, sendo a primeira em agosto e a segunda no final de fevereiro deste ano. Na negociação para 2019, Sindicato e comissão garantiram que a primeira parcela seja efetuada em julho e que a segunda seja realizada na primeira quinzena de fevereiro de 2020.

“Conseguimos o reajuste e um adiantamento que faz a diferença na vida do trabalhador. Para o próximo ano, buscamos avançar ainda mais no valor final do montante e na aplicação das parcelas dependendo da negociação”, disse Rose Prado, vice-presidente do Sindicato, ao lado do diretor de base, Daniel Silva. 

Presente na assembleia, o diretor sindical, Luís Carlos de Oliveira (Lú), parabenizou a mobilização dos trabalhadores e da comissão de PLR formada pelos mesmos. “Os trabalhadores e a comissão de PLR foram exemplares, pois estamos melhorando cada vez mais os indicadores, valores e metas. As negociações foram muito aprofundadas por conta do conhecimento técnico da comissão, e isso auxiliou muito o Sindicato na busca do reajuste”, disse.

Sindicato dos Metalúrgicos de Jundiaí