Atlafut leva título do Campeonato de Futebol dos Metalúrgicos

Na base do heroísmo e da superação, o Atlafut conquistou o título da edição 2017/2018 do Campeonato de Futebol dos Metalúrgicos ao vencer o Krufox por 2 a 1, na manhã quente deste domingo (29), com a presença de torcedores e a família metalúrgica em bom número no Clube de Campo do Sindicato.

O jogo foi carregado de emoção, ainda mais depois que o goleiro do Atlafut, Rafa, foi expulso infantilmente aos 42 minutos da primeira etapa. Vetinho, que é jogador de linha, foi obrigado a ocupar a posição e ainda sofreu o primeiro gol, marcado por Zé Eduardo, em cobrança no meio do gol. 

Com um a mais, era de se esperar um ligeiro favoritismo e tranquilidade por parte do Krufox, mas não foi o que aconteceu. Um minuto depois, a zaga falhou na marcação e o meia Risca Faca, eleito o melhor jogador da partida, sofreu pênalti. O zagueiro Altair, o Tatá, cobrou aos 45 minutos e empatou a decisão. E mesmo com um jogador a mais em campo, o Krufox veio para o segundo tempo pouco inspirado. O seu artilheiro, por sinal, o principal goleador do campeonato, Gustavo Pavão, com 11 gols, não recebia bolas de qualidade para finalizar e o time não sabia se aproveitar da vantagem numérica em campo. Acabou sendo castigado, aos 35 minutos. 

 

Mesmo com um jogador a menos, a equipe da Atlafut se deu melhor

Melhor condicionado fisicamente em campo, o Atlafut soube contra-atacar e aos 35 minutos da etapa final chegou ao 2 a 1 no placar. Risca Faca armou lançamento para o lateral esquerdo Artur, que cruzou na medida para a cabeçada do oportunista Chulinha. Era o gol do título.o futebol demonstrou nesta decisão exemplos de superação e de união em campo. A taça, após 7 meses de competição foi para o Atlafut, o Krufox terminou em segundo lugar, o ADC Takata em 3º e na quarta colocação, o Thyssenkrupp Só na Boa. 

  O presidente do sindicato, Eliseu da Silva Costa, destacou a importância do esporte como forma de lazer, citando as inúmeras modalidades nas quais a entidade se envolve  na organização de campeonatos: futebol de campo, futsal, futsal society, vôlei e parabenizou as 28 equipes participantes. “Hoje o que se viu aqui foi a vitória da superação, pois uma equipe ficou sem o seu goleiro e soube virar o jogo com um menos e a nossa vida é cheia de superação e de garra”. 

A diretora sindical, responsável pela área de esportes, Rose Prado, elogiou a organização do campeonato e o nível de seriedade das equipes participantes. “Vieram mesmo para levar o caneco, pois a média de gols foi alta e para nós foi uma grande satisfação, pois pudemos integrar mais uma vez a família metalúrgica, além de termos tido cuidado com a programação dos jogos, pois pudemos priorizar o emprego dos trabalhadores, todos metalúrgicos, não os prejudicando em seus turnos”. 

 

O atacante Chulinha, autor do gol do título do Atlafut, exaltou o esforço de sua equipe que lutou com um a menos durante quase todo o jogo. “Como é um grupo que já se conhece fora daqui também, jogamos até fora de posição para suprir a falta de um atleta e deu certo. Um conseguiu correr pelo outro”. O meia Risca Faca, eleito o melhor em campo na decisão, frisou que a estratégia foi jogar fechado, esperando o avanço do adversário. “Depois que empatamos, sabíamos que poderiam cansar no segundo tempo e aproveitamos as melhores chances”. Quem se lamentou foi justamente o artilheiro e melhor do campeonato, Gustavo ‘Pavão’, com 11 gols anotados, mas que passou em branco na finalíssima. “Fico feliz pela artilharia, mas foi uma fatalidade não termos levado o título. Não sei o que aconteceu, mas parabenizo o adversário, que soube jogar com um a menos”. 

Premiações

Campeão- Atlafut
Vice-Campeão- Krufox
3º colocado- ADC Takata
4º colocado- ThyssenKrupp Só na Boa
Equipe mais disciplinada- Amigos do AF Thyssenkrupp
Defesa menos vazada – Altair dos Santos  – Atlafut
Artilheiro do campeonato- Gustavo Pavão – Krufox  (11 gols)
Melhor jogador do torneio- Gustavo Pavão – Krufox
Melhor jogador da final – Josevânio Risca Faca- Atlafut 

0 Comments

No comments!

There are no comments yet, but you can be first to comment this article.

Leave reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *