Assembleia Geral da Negociação Coletiva é domingo (16). MARQUE PRESENÇA!

O progresso da categoria metalúrgica dependerá da nossa capacidade de mobilização. A Assembleia Geral da NEGOCIAÇÃO COLETIVA de 2018 será neste domingo (16), às 9h, na Sede do Sindicato. É  a oportunidade de você, trabalhador metalúrgico, expor as suas reivindicações e sugestões para formalizarmos uma pauta de negociação abrangente e que nos proteja de todos os impasses das novas leis trabalhistas.

A Campanha de Negociação Coletiva deste ano, desde o início, está seguindo um rumo diferente dos anos anteriores no que se refere ao campo estratégico. A Federação dos Metalúrgicos do Estado de São Paulo (FEDMETALSP), liderada pelo presidente do Sindicato Eliseu Silva Costa, descentralizou a Campanha de Negociação Coletiva – antes Chamada de Campanha Salarial – com o objetivo de  mobilizar sindicalistas e trabalhadores em torno de uma pauta única, na qual a Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) – considerada a Carta Magna dos trabalhadores – seja o foco da negociação. O presidente Eliseu acredita que neste momento é a integridade do trabalhador está ameaçada, por conta da nova lei trabalhista. “Temos que elaborar reivindicações que protejam o trabalhador de pontos da nova lei trabalhista que afetam negativamente a saúde, o salário e a proteção jurídica do mesmo”, declara.

 

 

Mesmo com o foco voltado para a CCT, Silva Costa garante que a pauta econômica será tratada com a mesma ênfase das campanhas anteriores. “Quero deixar bem claro aos companheiros que, mesmo sendo tratada como uma Negociação Coletiva, a pauta salarial permanece entre as nossas prioridades. Sabemos muito bem que dinheiro no bolso do trabalhador também contribui com o progresso da economia, sendo assim, a nossa mobilização também busca contemplar essa pauta”, ressaltou.

O presidente reforçou que os trabalhadores podem contar com o Sindicato para solucionar dúvidas e saber mais detalhes. “Além do nosso site e dos boletins, os trabalhadores também poderão consultar nossos diretores de base que estão aptos a debater sobre o assunto. Precisamos do apoio dos trabalhadores nesse novo desafio que definirá o futuro da classe. Marquem presença na assembleia e não tenham medo de reivindicar”, convocou Eliseu.

0 Comments

No comments!

There are no comments yet, but you can be first to comment this article.

Leave reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *